Uso de celular e problemas na coluna: entenda a relação

O telefone móvel é uma das maiores invenções tecnológicas dos últimos tempos. Mas o uso de celular não traz apenas facilidades e benefícios. Ele já é apontado como a maior causa de dores na coluna e tendinites.

Segundo pesquisa da GlobalWebIndex, o Brasil ocupa a terceira posição do mundo no número de pessoas que passam mais tempo utilizando o celular. A ocorrência é maior entre os jovens, que o utilizam mais de 1.460 horas por ano, muitas vezes em posturas que prejudicam a saúde.

Neste artigo, vamos abordar os danos causados na coluna vertebral quando o aparelho é utilizado de forma incorreta e as atitudes que podem ser adotadas para minimizar esses problemas. Continue lendo para saber mais!

Os danos causados na coluna pelo uso incorreto de celular

O uso dos telefones móveis é habitual e, muitas vezes, de grande importância para as pessoas que dependem do aparelho para trabalhar. Porém, é necessário ter atenção quanto à forma de utilizá-lo, evitando a inclinação da cabeça, principal causa de danos à coluna.

De acordo com uma pesquisa divulgada pela revista científica Surgical Technology International, a flexão da cabeça para baixo e para frente é extremamente prejudicial à saúde da coluna vertebral. Com esse movimento, a força da gravidade age sobre o crânio e aumenta a pressão nas vértebras.

A cabeça pesa, em média, 5 kg; com a inclinação, pode chegar a 27 kg — uma carga muito pesada para a coluna cervical. Para manter a cabeça em uma posição muito inclinada, o corpo é obrigado a fazer ajustes. Com isso, surgem as dores no pescoço e a corcunda.

A posição deitada também prejudica a coluna

Outra situação comum é o uso do celular na posição deitada, com o pescoço dobrado para frente. Essa postura é conhecida como “text neck” (pescoço de texto), nome cunhado pelo fisiologista Dean Fishman. Esse movimento aumenta a pressão nos discos da coluna e causa sobrecarga nos ligamentos e músculos.

Dessa forma, as alterações na coluna provocadas por uma postura incorreta não atingem somente o pescoço. Veja a seguir os problemas de saúde que o uso incorreto do aparelho pode causar:

  • osteofitose, também conhecida como bico de papagaio;
  • degeneração da coluna — com redução dos espaços nos discos intervertebrais;
  • dores de cabeça e nas costas;
  • espessamento dos ligamentos da coluna;
  • hérnia de disco;
  • imobilidade;
  • tendinite.

Como minimizar os prejuízos à saúde

Para reduzir os malefícios à saúde, é fundamental adotar atitudes que ajudam a manter a postura correta da coluna. Veja o que fazer!

Limite o tempo de uso do aparelho

Procure não exceder 20 minutos seguidos de uso do celular para não causar fadiga nos músculos e ligamentos.

Posicione o aparelho na altura dos olhos

Evite inclinar a cabeça para frente e mantenha os olhos em linha reta. Caso o celular seja o seu instrumento de trabalho, prefira utilizar mensagens de voz para reduzir o tempo de digitação.

Segure o celular com as duas mãos

Quando for digitar, aproveite a rotação de tela para escrever as mensagens com os dois polegares. Isso ajuda a evitar tendinites.

Exercite os músculos com alongamentos

Fazer alongamentos no pescoço, braços, pulsos e pernas ajuda a relaxar e fortalecer a musculatura dessas regiões.

Faça sessões de quiropraxia

A quiropraxia é uma técnica de medicina alternativa com eficácia comprovada e recomendada pela OMS (Organização Mundial da Saúde) para o tratamento e prevenção de disfunções do sistema neuromusculoesquelético.

Ela é aplicada por meio da manipulação corporal, objetivando ajustar, alinhar e estabilizar as estruturas anatômicas. Com isso, a técnica promove um livre fluxo de energia e permite um bom funcionamento do organismo.

As sessões proporcionam uma rápida recuperação das disfunções e lesões na coluna, devolvendo a saúde integral e o bem-estar aos pacientes. O tratamento é efetuado por quiropraxistas, profissionais habilitados para a manipulação corporal.

Como vimos, o uso de celular já é parte integrante na vida da maioria das pessoas. Embora seja um facilitador para a comunicação interpessoal, é importante saber utilizá-lo e adotar posturas corporais que não prejudiquem a coluna vertebral.

Gostou destas informações? Então, leia também o nosso artigo sobre os 7 hábitos que você deve manter para ter uma vida saudável!

Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Thanks!

Fale com a unidade mais próxima de você!